quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Críticas da pesada: Roberta, a Moderna Gueixa do Sexo


Absurdo e ridículo


Por Francisco Pedro do Couto


Impossível fazer um filme (filme?) pior que este “Roberta, a Moderna Gueixa do Sexo”. Talvez seja o pior já realizado até hoje em todo o mundo (Eis aí assunto para concurso interessante). Não faz sentido. Trabalho ridículo do diretor Raffaele Rossi, assim como ridículos se mostram os atores, atrizes e situações. Os intérpretes nem sabem falar em cena. O tom de voz, absurdo, leva ás gargalhadas os poucos espectadores que conseguem permanecer na sala de projeção.


A produção se propõe ao erotismo, na tentativa, inclui na história relações lésbicas entre duas personagens que, numa bela casa do litoral de Santa Catarina iludem o proprietário, apaixonado por uma delas. Além das mulheres envolvidas no triângulo, todas se despem com frequência e participam de seqüencias amorosas. Seqüências tão mal realizadas que nem efeito erótico produzem, ficando reservadas ao rol das coisas exóticas.


Como o filme, o título não tem razão de ser. Resta lamentar que o litoral catarinense, de tanta beleza, tenha sido utilizado para algo de tão baixo nível.


Publicado originalmente no Jornal do Brasil em 25 de agosto de 1978

7 comentários:

Alex B disse...

Matheus, mais uma vez, parabéns em sua jornada que resgata pérolas da cultura popular, boêmia e se que relaciona aos temas. Vai, no entanto, uma observação sobre esse post: faltou algum comentário que contextualizasse a resenha, alguma informação sobre o filme, como você topou com essa resenha,porque justamente ela, algo assim. Abraço.

Matheus Trunk disse...

Prezado Alex B, muito obrigado pelo comentário. Meu caro, irei colocar neste espaço algumas críticas da época metendo ferro nas pornochanchadas. Somente isso. Aguarde novas críticas. abraço

Adilson Marcelino disse...

Meu amigo,
Gostaria muito de assistir esse filme.
Um abraço

Paulo Azevedo disse...

Engraçado...Tudo bem que esta crítica não foi muito favorável para o filme...Mas me lembro que quando foi exibido o filme "Roberta a Moderna Gueixa do Sexo" nos cinemas daqui de Brasília, lembro quando cheguei ao cinema tinha uma fila enorme para ver Helena Ramos nesta fita, o filme na época em que foi exibido foi muito aceito pelo publico brasiliense, aliás tenho o vhs e o dvd deste filme.

Anônimo disse...

Filme gravado na lagoa dos esteves.... Varias da cenas se passam numa casa que atualmente amiga veraneia cenario se encontra preservado Kkk unico pro do filme é ver camo era la nos anos 70... Uma.curiosidade o cara que passa de passate no final do filme é uma figura faclorica da lagoa cheguei a conhecer... Era antigo dono da lagoa se n me engano foi.casado com subrinha de um ex presidente se n me.engano jk. La era um clube de luxo no anos 70...

Gilvan de Souza Lima disse...

Lembro que gostei muito da trilha sonora e de uma cena de sexo da Helena Ramos ao som de Nico Fidenco
achei a cena bem sensual.

Gilvan de Souza Lima disse...

Lembro que gostei muito da trilha sonora e de uma cena de sexo da Helena Ramos ao som de Nico Fidenco
achei a cena bem sensual.